Natal bola arvore jornal diario da lagoa

NATAL PARA TODOS

1
Todos os anos eu me lembro
Com amor sem igual
Deste mês de dezembro
Que é a festa do Natal.

2
Festa que nos trás esperanças
Sempre com muita alegria
Porque até mesmo as crianças
Esperem por este dia.

3
Festa para comemorar
Com um sentido profundo
E alegres recordar
O nosso Salvador do mundo.

4
Deu há luz a Virgem Maria
Nosso Jesus verdadeiro
Hoje em dia essa alegria
Se espalhou pelo mundo inteiro.

5
Festas de amor e carinho
Que as crianças esperem com fé
Para por o sapatinho
No canto da chaminé.

6
Não é uma festa qualquer
É Natal que se alcança
Onde até mesmo uma mulher
Espera a sua lembrança.

7
É para os Cristãos em geral
Esta festa tão querida
Até mesmo a árvore de Natal
Representa a árvore da vida.

8
Há quem desta festa não gosta
Mas para muitos é uma delicia
Porque a Bíblia dá a resposta
A esta festa natalícia.

9
Peço a Deus como bom Cristão
Com um pensamento nobre
Para que nunca falte o pão
Sempre na mesa de um pobre.

10
Lembra-te do teu vizinho
Que é pobre com certeza
Se tens dá-lhe um pouquinho
Para por na sua mesa.

11
Se podes dá-lhe em segredo
Mas dá-lhe com amor e carinho
Pode não ter um brinquedo
Para dar ao seu filhinho.

12
Faz de ti um homem nobre
Honesto e verdadeiro
Porque Jesus também foi pobre
Mas era o Rei do mundo inteiro.

13
Certamente te pagará
Com uma bênção querida
E de certo te ajudará
Para o resto da tua vida.

14
Assim podem fazer os bôdos
Em paz com fé e amor
E um natal para todos
Com as Bênçãos do Senhor.

15
Eu desejo a qualquer pessoa
Para todo o leitor em geral
Junto com o Diário da Lagoa
Felizes festas de Natal.

16
Mas como são gente boa
Quero ouvintes ou leitores
Em nome da Rádio Lagoa
Dar boas festas para os Açores.

17
Sempre em sua companhia
Esta rádio de primeira
Que lhe dá musica com alegria
E para sua família inteira.

18
Para América e Canada
A todos com muita alegria
Também já chegamos lá
Para vos fazer companhia.

19
Bom Natal amigos meus
Um abraço forte e profundo
Peço que rogam a Deus
Pela paz neste mundo.

20
Desejamos a todo o povo
Na Diáspora por igual
E de Santa Maria ao Corvo
Tenham um feliz Natal.

21
Termino na esperança
De ganhar mais um amigo
Desde a mais nova criança
Ao velhinho mais antigo.

Por: João Silvério Sousa
(Publicado na edição impressa de dezembro de 2016).

 

Share