A Secretária Regional da Solidariedade Social revelou que o Governo dos Açores está a preparar um plano de formação, destinado aos dirigentes das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e Misericórdias.

Segundo Piedade Lalanda a formação abordará, numa primeira fase, a área de gestão, dotando assim os dirigentes de mais mecanismos e boa práticas de administração.

Em relação ao modelo de financiamento, a Secretária Regional destacou que o cálculo a suportar pelas famílias na área da infância seja em função dos seus rendimentos, pagando a Região o diferencial do valor da prestação, em caso de perda de emprego de um dos cônjuges, contribuindo, desta forma, para a manutenção das crianças nas creches e jardins-de-infância.

Para Piedade Lalanda, os equipamentos de apoio à infância são “importantes ajudas” para as famílias, permitindo a conciliação entre a vida familiar e profissional.

No que se refere aos equipamentos sociais em construção, a governante regional considerou a resposta inovadora, uma vez que congrega, no mesmo edifício, as áreas da infância e da deficiência.

DL/GaCS

Share