Está a decorrer uma petição online, com mais de 3700 assinaturas, que tem como intuito a “Demissão do veterinário do Canil Municipal de Ponta Delgada”, de forma a mostrar o descontentamento das pessoas relativamente aos procedimentos inapropriados do atual veterinário para com os animais abandonados e presentes no mesmo.

A petição pede a suspensão e abertura de um processo, com vista à demissão do veterinário, por desumanidade, tendo em conta os acontecimentos recentes, que se tornaram públicos, nomeadamente de abate de animais saudáveis, entre os quais animais que já tinham adotantes ou de fêmeas que se encontravam grávidas.

A petição considera que o veterinário do Canil Municipal tem vindo a contrariar e desrespeitar as diretivas europeias e a Legislação Nacional, nomeadamente após o novo Estatuto Jurídico dos animais, que entrou em vigor no dia 1 de maio.

Efetivamente, este estatuto reconhece que os animais são seres vivos dotados de sensibilidade e objeto de proteção jurídica em virtude da sua natureza.

O Jornal Diário da Lagoa tomou conhecimento que o presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, José Manuel Boleiro, recebeu uma notificação desta petição e esteve reunido com o veterinário municipal.

Link da petição:  http://peticaopublica.com/mobile/pview.aspx?pi=PT85849

DL/AS

Share