Mais de duas mil pessoas assistiram à primeira classificativa do Azores Airlines Rallye, a novíssima “Lagoa Stage”, prova que conta para o Campeonato FIA da Europa de Ralis (FIA ERC).

A prova serviu de arranque para a  52.ª edição e realizou-se nos arruamentos do Tecnoparque, na Cidade de Lagoa.

No final da especial, a opinião dos pilotos foi quase unânime, piso escorregadio, com terra seca, estes acabaram por ser cautelosos para não colocar em causa a continuidade no rali. Muitos dos pilotos mostraram-se preocupados igualmente com a degradação dos pneus, uma vez que a prova foi realizada em terra e asfalto. 

Por outro lado, em declarações ao Jornal Diário da Lagoa, a Presidente da Câmara Municipal de Lagoa adiantou estar orgulhosa pela integração da Lagoa no Azores Airlines Rallye, sendo assim uma oportunidade para a dinamização económica e turística do concelho.

O desejo da autarquia era integrar esta prova em particular e assim foi, esperando agora a sua continuidade no próximo ano. Cristina Calisto decq Mota adianta que o Tecnoparque proporciona uma série de condições positivas para a realização desta prova.

DL

Share