(c) direitos reservados
(c) direitos reservados

O Governo dos Açores decidiu abrir, entre os dias 1 de abril e 30 de maio, um período de candidaturas ao fundo de capital de risco, o FIAEA (Fundo Investimento de Apoio ao Empreendedorismo dos Açores).

O anúncio foi feito pelo Vice-Presidente do executivo, que lembrou tratar-se de um fundo que “visa criar condições de apoios adicionais a empresas a criar nos Açores e que pretendem desenvolver a sua atividade em sectores com potencial de exportação ou de produção de bens transacionáveis.”

Entre esses sectores, o governante referiu a área dos recursos endógenos, o sector agroalimentar, a indústria florestal, a indústria do mar e demais atividades que possam potenciar a capacidade produtiva regional.

Segundo adiantou, o Governo poderá assegurar, através deste fundo, “uma participação no capital social das empresas, ou um apoio através do capital de risco, que irá assegurar um financiamento até 100 mil euros por empresa.”

O Vice-Presidente do Governo disse ainda que o FIAEA, destinado a micro, pequenas e médias empresas, “permite elevar o potencial de concretização dos investimentos que sejam considerados estratégicos e permitirá, também, reduzir as necessidades de financiamento das empresas para a concretização desses investimentos.”

Todas as informações relativas ao processo de candidatura ao FIAEA, bem como o regulamento, estão disponíveis nos sites da SDEA (www.investinazores.com) e da Portugal Ventures (www.portugalventures.pt).

Com o objetivo de melhor dar a conhecer o Fundo Investimento de Apoio ao Empreendedorismo dos Açores terão lugar, ao longo do mês de Abril, em datas a serem divulgadas brevemente, várias sessões de apresentação do referido instrumento de capital de risco.

DL/Gacs

Share