BE quer saber se já há previsão para renovação da frota da SATA Internacional

Avião_SATA-Internacional_aeroporto_Ponta_Delgada_Açores@Jornal-Diario-Lagoa (1)

O Bloco de Esquerda pediu explicações ao Governo Regional – através de um requerimento entregue hoje no parlamento –  sobre o futuro da SATA Internacional. A deputada do BE quer saber se a renovação da frota já está prevista, e quais os planos no que diz respeito à contratação ou despedimento de trabalhadores.

O Bloco quer também saber quantos voos ACMI (aluguer de aeronave e tripulação) foram contratados a outras empresas desde o início do ano de 2014 – quer por avarias nas aeronaves da SATA, quer por falta de tripulantes –, quais foram as empresas contratadas, e qual o valor destes contratos.

Reconhecendo que o recurso ao aluguer de aviões a outras companhias é prática comum na aviação civil, o requerimento do BE assinala que, no caso da SATA Internacional, estes contratos (ACMI) tiveram, recentemente, um aumento exponencial.

O Bloco de Esquerda entende que é necessário fazer investimentos para viabilizar a SATA Internacional e garantir a sustentabilidade do Grupo SATA, nomeadamente a renovação da frota e a contratação de mais tripulantes, cumprindo uma gestão de recursos humanos assentes na estabilização, que não se coaduna com o recurso sistemático a trabalhadores temporários, alguns com mais de dez anos de contratos sazonais.

DL/BE

Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*