Governo açoriano deve usar lucros anunciados por empresas públicas para pagar dívidas

Duarte-Freitas-PSD-Açores-
O presidente do PSD/Açores defendeu, esta sexta-feira, “existir uma obrigação moral do governo socialista em proceder aos pagamentos em atraso da administração pública, uma vez que esses atrasos são contraditórios com os lucros que várias empresas estão a anunciar e a provocar dificuldades e desemprego em muitas empresas da região”.
Duarte Freitas, que falava na Calheta, ilha de São Jorge, durante uma sessão comemorativa do 40º aniversário do PSD/Açores, disse “compreender a posição assumida esta semana pelos empresários da ilha Terceira ao apelarem para que os lucros anunciados pela Saudaçor sejam utilizados para proceder aos pagamentos em atraso às empresas fornecedoras do Serviço Regional de Saúde”.
De facto, salientou, “nos Açores paradoxalmente tudo aumenta: aumentam as receitas do governo, aumentam alegadamente os lucros das empresas e ao mesmo tempo aumentam as dívidas do governo e o desemprego”.
Duarte Freitas recordou, também, “o que aconteceu com o valor das horas extraordinárias descontadas na remuneração complementar e que os socialistas recusam devolver aos trabalhadores”.
Para Duarte Freitas é, por isso, “necessário que o governo regional deixe de perder tempo a atacar os partidos da oposição e se concentre no combate à crise”.
DL/PSD-A
Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*