PCP Açores leva situação da investigação científica ao Parlamento Regional

Açores-Jornal-Lagoa-Digital-Politica-Anibal-Pires

O Deputado do PCP no Parlamento Regional, Aníbal Pires, apresentou um Projecto de Resolução, que será discutido ainda esta semana, condenando o corte de financiamento e a redução do número de bolsas de investigação científica da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT).

A Resolução proposta pelo PCP Açores denuncia a situação dos cientistas portugueses, que são condenados a uma precariedade perpétua e a remunerações muito inferiores às dos seus congéneres europeus.

O PCP critica ainda o baixo investimento público em ciência e tecnologia, que este ano sofreu um novo agravamento, com uma redução de cerca de 40% das bolsas, deixando cerca de 5000 investigadores no desemprego, num concurso cheio de irregularidades e falta de transparência. O número total de bolsas de doutoramento atribuídas foi inferior aos valores de 2002, e o número de bolsas de pós-doutoramento foi inferior aos níveis de 1999, no que é um enorme retrocesso nesta área.

Mais recentemente, o processo de avaliação das unidades de investigação científica ameaça levar a que um quarto dos laboratórios nacionais fiquem sem qualquer financiamento por parte da FCT, o que põe em causa a sua sobrevivência e demonstra a vontade do atual Governo PSD/CDS de continuar a desmantelar a investigação científica em Portugal.

Esta situação afeta também diretamente a Região Autónoma dos Açores, onde muitos cientistas são forçados a abandonar a Região e mesmo o país, contra a sua vontade, para poderem exercer atividade e encontrarem meios de subsistência digna, o que constitui não apenas um profundo drama humano mas também um enorme desastre económico. A perda destes profissionais implica o êxodo dos seus agregados familiares e, muitas vezes, a transferência das suas linhas de investigação, bem como proficiência, aperfeiçoada ao longo de décadas de trabalho dedicado.

O PCP pretende que o Parlamento dos Açores tome posição perante o Governo e a Assembleia da República, afirmando a importância da investigação científica para a modernização da economia nacional e para o desenvolvimento do país e exigindo a alteração destas políticas, garantindo o financiamento público da Ciência em Portugal. 

DL/PCP-A

Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*