Colaboração tecnológica e científica no âmbito de Erasmus+ Key action 2

Erasmus+ Projeto GameON | Erasmus+ Projeto LEVEL

Os projetos GameON e LEVEL, referentes aos Erasmus + Key action 2 – Cooperation for innovation and Exchange of Good Practices, aproximam-se do seu término. Os projetos tiveram início no fim de 2016, quando o Sr. Presidente do Conselho Executivo da Escola Secundária de Lagoa, Dr. Alexandre Oliveira, assinou dois protocolos de parceria no âmbito do Programa Erasmus+. Esta empreitada veio colher a experiência que a escola havia desenvolvido no campo dos videojogos em sala de aula em variadas modalidade de ensino, que incluíam o Ensino Especial. O enfoque da Escola nesta área destacou-se em 2011, graças ao apoio do Núcleo de Empresários da Lagoa. Essa instituição assegurou a aquisição de uma consola XBOX com sensor Kinect para fins didáticos. O equipamento foi posto a bom uso e veio a dar frutos num projeto no Ensino Especial, tendo aquela prática educativa sido objeto de um caso de estudo por parte da Microsoft no âmbito do Programa Escolas Inovadoras.

Palestra “Videojogos na Educação” onde estiveram presentes alunos e professores de várias escolas

O Projecto LEVEL consiste no desenvolvimento de uma aplicação, Enchanted Crystals, para treinar as operações básicas da Matemática. O Projeto GameON é uma colaboração de investigadores, especialistas em jogos e professores que procura contribuir para que se dê uma utilidade educativa aos videojogos. Participam nesta empreitada vários docentes da Escola Secundária de Lagoa, que têm cedido as suas experiências na forma de textos que serão compilados num livro que será publicado em forma física e digital. A primeira edição do livro será em Inglês, visto ser a língua de ligação entre os países participantes. Os parceiros destes Erasmus+ são a Universidade de Paderborn, a Glasgow Caledonian University, a empresa Ingenious Knowledge, as Escolas Platão e a Escola Secundária de Lagoa. A participação neste programa europeu tem permitido o contato com práticas educativas inovadoras e com especialistas de diversas áreas. No âmbito destes Erasmus, em outubro de 2017, estiveram presentes nos Açores vários investigadores que dinamizaram a conferência Videojogos na Educação. Este evento clarificou o desenvolvimento de videojogos, sendo que este abrange várias áreas, indo muito além da programação. É uma uma atividade que não conhece fronteiras, nem se encontra limitada pelos efeitos da insularidade. Presentemente, ambos os projetos encontram-se na reta final, com os testes da aplicação e melhoramentos dos textos para o livro, indo ambos os projetos ter o seu término oficial em Glasgow, no mês de Agosto.

Workshops com alunos e desenvolvedores de videojogos

A participação no Programa Erasmus+ só foi possível graças à colaboração da Direção Regional de Educação, de muitas escolas açorianas, da Câmara Municipal de Lagoa, do Nonagon, de muitos alunos, docentes, funcionários administrativos, elementos de órgãos de gestão de várias escolas e muitos outros. O Programa Erasmus+ permitiu a participação em práticas empreendedoras que enriquecem a cultura escolar e contribuem para o florescimento de alunos inovadores.

João Freitas
Coordenador do Projeto
(Artigo publicado na edição impressa de julho de 2018)

Categorias: Educação, ESL, Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*