Saudaçor cumpriu o seu papel na gestão do Serviço Regional de Saúde

O Secretário Regional da Saúde afirmou que a Saudaçor cumpriu bem o seu papel durante 15 anos, no planeamento e gestão do Serviço Regional de Saúde.

Em declarações à margem de uma audição na Comissão Eventual de Inquérito ao Setor Público Empresarial Regional e Associações Sem Fins Lucrativos da Assembleia Legislativa, o governante adiantou que houve uma “boa atuação” da empresa, que levou “a ganhos consideráveis no Serviço Regional de Saúde”.

O titular da pasta da Saúde referiu que, ao longo deste período, houve ganhos consideráveis, por exemplo, com a existência de uma central de compras, e foi visível a consolidação dos sistemas de informação das unidades de saúde.

Questionado sobre as razões para a extinção da Saudaçor, Sociedade Gestora de Equipamentos e Recursos de Saúde nos Açores, o Secretário Regional referiu-se à conjuntura atual do estado das contas públicas da Região, favorável à diminuição das taxas de juro.

A extinção da Saudaçor resulta da reestruturação do Setor Público Empresarial da Região, anunciada pelo Executivo.

Rui Luís adiantou que a atividade da Saudaçor será internalizada até ao final de 2019, sendo para isso criado um grupo de trabalho, num processo transparente, do qual resultará uma proposta de decreto legislativo regional.

O Secretário Regional garantiu ainda que os funcionários da Saudaçor serão internalizados na Administração Regional, segundo as regras e direitos dos trabalhadores da função pública.

DL/Gacs

Categorias: Regional, Saude

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*