Cursos de Língua Portuguesa contribuem para plena integração dos imigrantes

O Diretor Regional das Comunidades salientou a importância da realização de cursos de Língua Portuguesa para imigrantes como fator determinante para a “plena integração de todos aqueles que, não nascendo nos Açores, escolheram as ilhas como seu novo lar”.

Paulo Teves falava na sessão de entrega de diplomas do Curso de Português para Imigrantes, promovido pelo Gabinete de Apoio aos Migrantes da CRESAÇOR – Cooperativa Regional de Economia Solidária.

Para o Diretor Regional, a realização destes cursos insere-se na política do Governo dos Açores relativa ao acolhimento dos imigrantes e à sua efetiva participação na vida cívica açoriana, mas também de promoção da interculturalidade.

A quinta edição do Curso de Língua Portuguesa para Imigrantes contou com cerca de 20 alunos de 14 nacionalidades, nomeadamente, alemã, angolana, checa, chinesa, espanhola, francesa, guineense, indiana, inglesa, iraniana, irlandesa, italiana, marroquina e venezuelana, tendo decorrido em horário pós-laboral, num período de 150 horas.

O Diretor Regional sublinhou que esta e outras iniciativas são desenvolvidas em colaboração com diversas instituições, procurando minimizar as barreiras que possam existir em todo o processo de integração dos imigrantes, através de um contacto permanente e partilha de informações entre os diversos serviços de apoio.

Neste sentido, anunciou que estão abertas as inscrições para a sexta edição do Curso de Português para Imigrantes, que devem ser apresentadas até 31 de março por entidades de natureza pública, privada ou cooperativa, bem como por estabelecimentos de ensino público na Região Autónoma dos Açores.

Estes cursos já foram frequentados por mais de duas centenas de imigrantes nas ilhas de São Miguel, Terceira, Faial, Pico e Flores.

A aprovação final da frequência do curso, da responsabilidade das direções regionais das Comunidades e da Educação, regulamentado pela Portaria n.º 56/2014, permite ao imigrante cumprir com as exigências dos regimes para aquisição de nacionalidade portuguesa, concessão de autorização de residência permanente e estatuto de residência de longa duração, no que se refere à prova de conhecimento da língua portuguesa.

Os interessados podem obter mais informações sobre o Curso de Língua Portuguesa para Imigrantes e o respetivo formulário de candidatura na página da Direção Regional das Comunidades no Portal do Governo dos Açores, no endereço eletrónico www.azores.gov.pt/Portal/pt/entidades/srapre-drcomunidades.

DL/Gacs

Categorias: Comunidades, Educação

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*