Governo dos Açores atribui incentivos de 260 mil euros ao desenvolvimento do artesanato

As unidades Produtivas Artesanais (UPA) da Região podem candidatar-se, entre 12 de fevereiro e 29 de março, aos apoios previstos no Sistema de Incentivos ao Desenvolvimento do Artesanato dos Açores (SIDART), a que está alocada uma verba de 260 mil euros para este ano.

Um despacho da Vice-Presidência do Governo, publicado em Jornal Oficial, indica que podem ser apresentados projetos nas áreas da formação ou investimento.

As candidaturas serão efetuadas online, no sítio do Centro Regional de Apoio ao Artesanato (CRAA) na Internet.

O Sistema de Incentivos ao Desenvolvimento do Artesanato dos Açores foi criado com o objetivo de promover o desenvolvimento sustentável da atividade artesanal no âmbito da economia regional.

Reforçar a qualidade da produção e a competitividade das empresas de artesanato são outros objetivos que o Governo dos Açores pretende alcançar com este sistema, criado no âmbito da Agenda Açoriana para a Criação de Emprego e Competitividade Empresarial.

Em 2017, o Governo Regional apoiou 142 projetos de Unidades Produtivas Artesanais das mais diversas áreas, num valor comparticipado de mais de 240 mil euros.

DL/Gacs

Categorias: Cultura, Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*