Concluídas operações de contenção de poluição e recolha da “caixa-negra” do navio

Durante esta terça-feira, dia 09 de janeiro, procedeu-se ao fecho da barreira de contenção de poluição em torno do navio de passageiros MESTRE SIMÃO, encalhado no passado sábado no porto da Madalena, ilha do Pico.

Segundo a Autoridade Marítima Nacional, prosseguem os trabalhos de remoção da matéria poluente, cuja quantidade existente dentro de água dentro do porto é, nesta altura, mínima. Estes trabalhos estão a ser desenvolvidos por elementos da “Portos dos Açores” e da Autoridade Marítima, sob coordenação do Capitão do Porto da Horta.

As visitas técnicas das equipas especializadas em salvação marítima, contratadas pela “Atlanticoline” com o objetivo de elaborarem proposta de remoção do combustível e futura remoção do navio, foram dadas como concluídas.

Dado o agravamento do estado do mar que afeta as ilhas do grupo central, apenas a Polícia Marítima subiu a bordo durante o dia de hoje, tendo recuperado os discos do equipamento “Voyage Data Recorder”, que contêm armazenados os dados do sistema de navegação e operação das máquinas, equipamento equivalente à “caixa negra” dos aviões.

O equipamento encontra-se agora à guarda da Polícia Marítima, como medida cautelar de polícia.

DL/AMN

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*