Subida de 2,1% do Produto Interno Bruto nos Açores confirma crescimento económico

O Produto Interno Bruto (PIB), indicador que revela a evolução do estado da economia e a produção de riqueza, cresceu 2,1 por cento em termos reais nos Açores no terceiro trimestre deste ano, comparativamente ao mesmo período de 2016.

Segundo o executivo regional, os dados revelados na estimativa trimestral do Serviço Regional de Estatística (SREA) evidenciam, assim, a consolidação progressiva da retoma da economia regional.

Esta taxa de crescimento do PIB reflete o bom desempenho dos indicadores económicos regionais também registado no terceiro trimestre deste ano, com efeitos no aumento da população empregada e na redução do desemprego.

A população empregada nos Açores no terceiro trimestre deste ano é a maior que se verifica desde 2008, sendo, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), de 112.351 trabalhadores, o que representa mais 13.358 pessoas empregadas nos Açores do que em 2014, ano em que se verificou uma taxa de desemprego de 18 por cento.

Comparativamente, o número de desempregados baixou em cerca de 54 por cento.

Assim, de acordo com a mesma fonte, a taxa de desemprego é agora menos de metade do que era no primeiro trimestre desse ano.

A taxa de desemprego desceu para 8,2 por cento no terceiro trimestre deste ano, sendo a mais baixa registada em quase sete anos na Região e inferior à média nacional, que também desceu para 8,5 por cento.

Os dados resultantes do Inquérito Trimestral ao Emprego realizado pelo INE revelaram ainda um aumento da criação de emprego em todos os setores de atividade, por comparação com o mesmo trimestre do ano passado, registando-se uma subida de 3,8%, que significa mais 4.140 empregos criados na Região.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*