Faleceu Paulo Valadão antigo deputado do PCP

Faleceu na tarde de ontem , dia 22 de novembro, em Santa Cruz das Flores, vitima de paragem cardiorrespiratória, o militante e dirigente do PCP, Paulo Valadão, membro da Direção da Organização da Região Autónoma dos Açores do PCP desde 1976, Vereador da CDU na Câmara Municipal de Santa Cruz das Flores, eleito em 1/10/2017 e responsável pela organização do PCP na Ilha das Flores.

Paulo Valadão, tinha 68 anos de idade, era professor primário e médico veterinário, tendo iniciado a sua vida profissional como professor, passando, a partir de 1978, a exercer medicina veterinária, trabalho que desenvolveu, com grande mérito, na Ilha das Flores.

A sua ligação ao PCP data de 1974 e a sua militância nas Flores inicia-se logo após o seu regresso à sua ilha de origem. Trabalhou intensamente na construção da organização do PCP naquela ilha e associou sempre esse trabalho político à denuncia das situações negativas e à apresentação de justas reivindicações que visavam enfrentar e resolver sérios problemas existentes naquela Ilha e naquele Grupo de Ilhas, que vivia num grande isolamento e num condenável esquecimento. Foram anos intensos de ação politica, esclarecimento e reivindicação, nos dois Concelhos das Flores e no Concelho do Corvo. Esta intensa atividade criou uma base social de apoio às posições da CDU, que se materializou em apoio político e que permitiu a eleição de Paulo Valadão como Deputado Regional do PCP em outubro de 1988, eleito pelo circulo eleitoral da Ilha das Flores, que elege apenas 3 deputados.

Paulo Valadão foi reeleito três vezes Deputado Regional do PCP pelas Flores, cargo que exerceu até outubro de 2004.

Paulo Valadão foi ainda, antes de 1988, Presidente da Junta de Freguesia dos Cedros (Sta Cruz das Flores), sua freguesia natal, eleito pelo Plenário de Cidadãos Eleitores. Foi em vários mandatos eleito da CDU na Assembleia Municipal de Sta Cruz das Flores.

O contributo de Paulo Valadão para a luta do PCP e da CDU nos Açores, no plano político regional geral e no plano institucional, foi de uma enorme importância, quer para a normalização da vida democrática, quer para a clarificação do funcionamento do Sistema Autonómico, quer para a criação de mecanismos justos de compensação pelos custos da insularidade, quer ainda para a dignificação, valorização e resolução de problemas muito agudos na Ilha das Flores e outras Ilhas muito isoladas.

Recorde-se que Paulo Valadão era tio do atual Deputado Regional do PCP João Paulo Corvelo.

DL/PCP

Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*