5.º Festival de Sopas promovido pelo Centro Sócio Cultural de S. Pedro

O Centro Sócio- cultural de S. Pedro vai promover, pela 5ª vez consecutiva, o Festival de Sopas na freguesia de N. Sra. do Rosário, que conta com apoio financeiro e logística da Câmara Municipal de Lagoa. A novidade este ano prende-se com o facto de o mesmo estar integrado no Mercadinho de Natal e decorrerá em plena quadra natalícia, mais propriamente, no dia 9 de Dezembro, a partir das 18h30, no parque de estacionamento dos CTT.

À semelhança dos anos anteriores, esta iniciativa tem como propósito de angariar fundos para que o Centro Sociocultural de S. Pedro possa continuar a desenvolver as suas atividades de cariz social e que consistem, sobretudo, em auxiliar e prestar apoio aos mais desfavorecidos, contando, para isso, com algumas colaborações, nomeadamente de outras instituições, de restaurantes e particulares.

Segundo a autarquia, pretende-se, em simultâneo, que este 5.º Festival de Sopas seja, novamente, uma atração para que muitas pessoas visitem a cidade de Lagoa, numa época e estação do ano que convida o público a apreciar refeições quentes, onde se poderá saborear diversas e saborosas sopas, como a sopa de peixe, de carne, de couve, o caldo azedo, entre muitas outras que constituem sempre uma novidade neste festival.

Refira-se que, o Centro Sociocultural de São Pedro é uma instituição particular de solidariedade social, sem fins lucrativos, de natureza associativa, com sede na freguesia de Nossa Senhora do Rosário. É constituído por cinco valências, nomeadamente um centro de atividades de ocupação de tempos livres; um Centro de Formação Sócio – Familiar; um Centro de Apoio Domiciliário; um Centro de Dia / Convívio para idosos e um Centro de Acompanhamento e Apoio Psicossocial. Uma instituição que funciona como um agente de dinamização social, de sustentabilidade, de luta contra a pobreza, de combate à exclusão social e de tantas outras missões, que assegura, com desprendimento e solidariedade, a sua atuação diária em prol de uma causa nobre: cuidar dos mais desfavorecidos no concelho de Lagoa.

DL/CML

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*