Taça de Honra João de Brito Zeferino foge ao Santiago nos penaltis

A equipa de Água de Pau tentou, este domingo, vencer a Taça de Honra João de Brito Zeferino em futebol, mas acabou por ser batida na marcação das grandes penalidades, depois de um empate nos 120 minutos jogados.

A final da prova decorreu no campo José da Silva Calisto, no Pico da Pedra, com o Santiago e Águia dos Arrifes na disputa do título. A equipa verde e vermelha acabou por ser melhor na marcação dos 11 metros, com destaque para o guardião do Águia, Rodolfo Cardoso, que defendeu duas grandes penalidades, e marcou a última, levando a sua equipa a conquistar a Taça com uma vitória por 4-3.

Esta final, foi o reeditar de uma outra que aconteceu em 2014/2015 na Povoação. As mesmas equipas, o mesmo árbitro, e o mesmo vencedor, do mesmo modo e nas mesmas condições.

De referir que a final teve como árbitro César Andrade, da AFPP, curiosamente o mesmo árbitro que já havia apitado a final de 2014/2015, dessa feita no municipal da Povoação.

A última Taça de Honra conquistada pelo Santiago aconteceu na época 2008/2009 frente ao Sp. Ideal. Neste jogo, os pauenses venceram por 4-0.

Depois da Taça de Honra, vem o Campeonato que será disputado em duas fases sendo o Santiago uma das equipas candidata a conquistar o título.

DL/ foto (c) José Luis Tavares

Categorias: Desporto

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*