A taxa de desemprego diminuiu para 8,2%, sendo inferior à média nacional

A taxa de desemprego verificada no 3º trimestre de 2017 é de 8,2%, prosseguindo a diminuição homóloga iniciada há 13 trimestres, sendo também o valor mais baixo da atual série do Inquérito ao Emprego que se iniciou no 1º trimestre de 2011 (há 27 trimestres), revela o Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA).

Neste trimestre, a população desempregada nos Açores, estima-se em 10.035 indivíduos, menos 2.922 desempregados que no trimestre homólogo (-22,5%) e 2.180 que no trimestre anterior (-17,8%). O nº de desempregados é também o valor mais baixo há 27 trimestres.

A taxa de desemprego para os Açores diminui 2,5% relativamente ao trimestre homólogo e 1,8%. relativamente ao trimestre anterior.

Ainda segundo o SREA, a população empregada no 3º trimestre é estimada em 112.351 trabalhadores, (o maior valor desde o 4º trimestre de 2008, que foi 112.393) refletindo aumentos de 3,8% relativamente ao trimestre homólogo e de 2,6% em relação ao trimestre anterior.

Quanto à taxa de emprego (15-64 anos) é de 63,9% neste trimestre, com aumentos de 2,3% relativamente ao trimestre homólogo e de 1,9% relativamente ao trimestre anterior.

Analisando por setores de atividade verifica-se que a população empregada cresce em todos os setores relativamente ao trimestre homólogo (+18,1% no primário, 5,5% no secundário e +1,7% no terciário). Comparativamente ao trimestre anterior os setores primário e terciário registam aumentos de emprego (+6,1% no primário e +3,3% no terciário), enquanto o setor secundário apresenta uma diminuição em termos trimestrais (-3,2%).

Ainda no setor secundário é de referir o subsetor da construção com acréscimos da população empregada de 12,4% homólogo e 2,3% trimestral.

Ainda segundo os dados divulgados pelo SREA, do total de pessoas que, no 2º trimestre de 2017, se encontravam desempregadas, 59,0% saíram dessa situação no 3º trimestre de 2017, sendo que 34,4% se tornaram empregadas/os e 24,6% transitaram para a inatividade.

Do total de pessoas com 15 e mais anos que, no 2º trimestre de 2017, eram consideradas inativas, 3,8% transitaram para o emprego e 2,4% transitaram para o desemprego, no 3º trimestre de 2017.

No 2º trimestre de 2017, do total de pessoas consideradas empregadas, 95,1% mantiveram essa situação no 3º trimestre de 2017. Assim 4,9% deixaram de manter o emprego, tendo 3,8% saído para a inatividade e 1,1% para o desemprego.

Segundo o SREA, a população ativa estimada para este trimestre, 122.386 indivíduos, apresenta acréscimos de 1,0% relativamente ao trimestre homólogo e de 0,5% relativamente ao trimestre anterior. A taxa de atividade, no 3º trimestre, tomando como referência a população total é 50,0%, superior em 0,5% à do trimestre homólogo e em 0,2% à do trimestre anterior.

A taxa de atividade (15-64 anos) é de 69,8% neste trimestre, superior em 0,6% relativamente ao trimestre homólogo e em 0,7 p. p. relativamente ao trimestre anterior, revela o SREA.

DL/SREA

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*