Daniel Moniz no Top 10 do mundo em Patinagem Artística

Daniel Moniz, jovem patinador do Clube de Patinagem de Santa Cruz, fez história nos World Roller Games e na Patinagem Artística açoriana. Com 17 anos, integrou a comitiva portuguesa e, com a sua participação na prova de Patinagem Livre, a sua primeira a nível internacional, tornou-se o primeiro açoriano a competir num Campeonato do Mundo.

Partindo com o objetivo primordial de terminar no Top 10, Daniel garantiu-o com o oitavo lugar no Programa Curto, ficando depois no 10º final.

Na prova realizada na cidade de Nanjing, Daniel Moniz diz que, apesar de ter falhado um elemento técnico, correu bem, tendo atingido os seus objetivos. “Esta foi uma experiência nova e agradável”.
Recorde-se que o Campeonato do Mundo de Patinagem Artística decorreu entre 26 de agosto a 11 de setembro na China.

Daniel Moniz adiantou ao Jornal Diário da Lagoa que teve o pensamento de que conseguia ficar no Top10 e foi por isso que lutou.

O patinador lagoense referiu que conseguiu ver maneiras diferentes sobre os elementos técnicos da modalidade e perceber que tem de melhorar muito.

Formado no Clube de Patinagem de Santa Cruz, Daniel Moniz tem vindo a evoluir como atleta, com uma ascensão rápida a todos os níveis.

O jovem lagoense esteve pré convocado para o Campeonato da Europa, contudo rapidamente acabou chamado para o Campeonato do Mundo. Um prémio que surge pelo trabalho desenvolvido principalmente no último ano.

Daniel Moniz disse estar a viver uma experiência única. “Os meus próximos objetivos são melhorar muito o meu desempenho, melhorar o que errei no mundial e tentar entrar na seleção nacional na próxima época”.

Refira-se que esta foi a primeira vez que os Açores tiveram, na Seleção Nacional, um atleta a representar Portugal no Campeonato do Mundo em Patinagem Artística, entrando assim a Lagoa e o Clube de Patinagem de Santa Cruz para a história da modalidade.

Daniel Moniz começou a sua carreira aos 10 anos. Participou em campeonatos Regionais e em 2012 participou pela 1.ª vez no Campeonato Nacional, escalão de Iniciados. Em 2014 é selecionado para integrar na equipa do Clube na Taça de Portugal de Patinagem Artística, escalão de Cadetes alcançando o 1.º lugar no seu escalão e 3.º lugar por equipas. Em 2015 representou o seu clube na Taça de Portugal, 1.ª prova de âmbito Nacional realizada nos Açores, na cidade de Lagoa.

Antes do Mundial, Daniel Moniz já havia participado em provas internacionais. Em novembro de 2015, esteve no Torneio Internacional em Madrid onde alcançou o 2.º lugar no escalão Juvenil. Em outubro de 2016 na Taça de Itália onde alcançou o 3.º lugar também escalão Juvenil.

O jovem teve a companhia nesta viagem do seu treinador Geraldo Andrade, um treinador que já acompanhou outros atletas da Lagoa que representaram o país, como por exemplo Ana Soares, Cátia Rebelo e Lia Raposo, atletas que desde 2008 até 2014 participaram em Campeonatos da Europa, Taças da Europa, conseguiram ser selecionados para representar Portugal pela evolução ao longos dos anos (escalões), cumprindo com as sugestões técnicas do Comité Técnico da Federação Patinagem de Portugal, presença assídua nos estágios de seleção nacional e a participação e com lugares cimeiros (top) nos campeonatos nacionais.

“Confesso e no que diz respeito ao Daniel, este tinha um objetivo que era representar Portugal num Campeonato da Europa, mas e devido à sua evolução e o seu querer foi-lhe dada a oportunidade para representar Portugal num Mundial de Patinagem Artística, 1.º Açoriano a participar num mundial”, diz Geraldo Andrade, adiantando que “quem conhece Clube de Patinagem de Santa Cruz, sabe que este tem uma boa equipa de trabalho, um presidente à mais de 20 anos, uma direção constituída por ex atletas do clube sempre dispostos a colaborar”.

DL

Categorias: Desporto

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*