Nova oportunidade de investimento na inovação através do Fundo de Capital de Risco ‘Azores Ventures’

O Vice-Presidente do Governo destacou esta segunda-feira, dia 25 de setembro, em Angra do Heroísmo, que a disponibilização por parte do Governo dos Açores do Fundo de Capital de Risco ‘Azores Ventures’ representa mais uma “nova oportunidade de investimento que surge no âmbito do apoio às empresas” em início de atividade e que apostem na inovação.

Sérgio Ávila revelou que o fundo prevê apoios ao empreendedorismo desde 30 mil até um montante máximo de 200 mil euros de participação através do reforço do capital social das empresas, destinando-se exclusivamente a projetos que reforcem o tecido empresarial dos Açores.

“Cria condições para que as empresas possam ter, por um lado, uma maior dinâmica em termos de capacitação financeira mas, particularmente, ter um apoio e um parceiro – a Portugal Ventures – que tem conhecimento e capacidade de ajudar a empreender o negócio”, salientou.

O titular da pasta da Competitividade Empresarial frisou, a propósito, a natureza distinta deste apoio, que passa por encontrar “um parceiro de negócios que participa no capital social da empresa”, tornando-se “no fundo, um sócio real, que a ajuda a crescer e a desenvolver, não só na componente financeira” mas, o que considerou ainda mais relevante em início de atividade, com o ‘know-how’ reconhecido à Portugal Ventures.

Segundo o executivo regional, na apresentação do ‘Azores Ventures’, implementado em parceria com a Portugal Ventures, Sérgio Ávila desafiou os empresários para que apostem em ideias inovadoras e concretizáveis, aproveitando as oportunidades de mercado, e que tenham “capacidade para, em contexto de competitividade, desenvolver com sucesso” esse negócio num mercado cada vez mais global.

Podem candidatar-se ao apoio as empresas em fase inicial de atividade, com projetos de investimento aprovados no âmbito dos sistemas de incentivo ao investimento da Região, com projetos que visem a exploração económica de bens transacionáveis de caráter inovador e, ainda, empresas com projetos que promovam o reforço da capacidade de exportação dos Açores.

O apoio previsto neste fundo é cumulativo com outros existentes, designadamente ao nível do sistema de incentivos, Vale Incubação ou os previstos nos programas de apoio à criação de emprego.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*