Acólitos lagoenses participam na V Peregrinação Diocesana dos Acólitos na ilha das Flores

A ilha das Flores recebeu, de 29 de junho a dia 1 de julho, 110 acólitos da Diocese de Angra, na V Peregrinação Diocesana dos Acólitos, cujo tema foi: “Como Maria, servimos Jesus”.

Com o principal intuito de unir todos os acólitos da Diocese de Angra, de forma a que todos pudessem obter informações e formação ao nível do serviço na liturgia, neste encontro, participaram 7 acólitos lagoenses, mais precisamente da Matriz de Lagoa, da freguesia de Santa Cruz.

O responsável dos acólitos de Santa Cruz, Tiago Martins, explicou ao Jornal Diário da Lagoa, que este encontro teve que ser preparado durante o ano inteiro, nomeadamente para conseguirem angariar fundos para a realização da viagem e prepararem algumas atividades.

Tiago Martins salientou que esta peregrinação permitiu aprenderem algumas coisas novas, mas também conhecerem a ilha das Flores.

“É um balanço positivo, é como se fosse uma recompensa do trabalho que se tem feito ao longo do ano”, referiu o responsável dos acólitos de Santa Cruz, salientando que este grupo lagoense ficou mais enriquecido com esta experiência.

Esta peregrinação criou verdadeiros momentos de partilha e de conhecimento entre os acólitos das diversas ilhas, onde todos têm um objetivo comum: estar ao serviço da liturgia.

Para o Pe. Marco Luciano, Diretor do Serviço Diocesano da Liturgia, o balanço desta V Peregrinação Diocesana dos Acólitos foi muito positivo, garantindo que haverá a sexta edição em 2018, que se irá realizar na ilha Graciosa.

Por outro lado o Pe. Marco Luciano lamentou que das nove ilhas açorianas, Santa Maria, Corvo e Terceira não tenham participado nesta peregrinação, onde todos os que participaram tiveram a oportunidade de se inteirarem dos futuros projetos da Diocese de Angra.

“Temos todas as perspetivas e mais algumas porque se conseguimos trazer a ilha das Flores 110 acólitos, quer dizer que é um movimento sempre crescente. Atendendo que somos uma Diocese de território descontinuo, termos 110 acólitos na ilha das Flores é um nota muito positiva”, referiu ao Jornal Diário da Lagoa o Diretor do Serviço Diocesano da Liturgia.

A VI Peregrinação Diocesana dos Acólitos irá realizar-se dias 6, 7 e 8 de julho de 2018 e desta feita terá lugar na ilha Graciosa.

DL/AF/AS

Categorias: Local, Religião

Deixe um comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*