Lagoa foi a anfitriã das comemorações do patrono do escutismo

No passado dia 23, o Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel, na cidade de Lagoa, recebeu o encerramento das comemorações do patrono mundial do escutismo, São Jorge, que decorrem de dois em dois anos. A Lagoa recebeu, desta forma, mais de um milhar de escuteiros de 29 agrupamentos de São Miguel, numa iniciativa do Núcleo de São Miguel do Corpo Nacional de Escutas.

As comemorações terminaram com a Eucaristia, seguido de sessão de encerramento e um desfile com todos os participantes por algumas artérias desta cidade.

José Maria Jorge, chefe do Núcleo de São Miguel, refere que “é um dia feliz”, pois “estamos a invocar o nosso patrono mundial”.

Destaca que, no concelho de Lagoa, viveu-se “um fim-de-semana pleno de atividades de descoberta, de partilha e de troca de experiências”, destacando que é importante não esquecer “que a vida é feita de caminhos e que são os caminhos que fazem a vida”.

“Ser escuteiro, independentemente de ser criança, adolescente ou adulto é viver com intensidade, alegria e entusiasmo a vida que Deus nos deu, é procurar no dia-a-dia, hora a hora, a felicidade. É o ganho futuro com esperança sempre, mas sempre renovada”, sublinha José Maria Jorge.

O padre Norberto Brum, personalidade muito ligada ao movimento escutista e de jovens, considera, em declarações ao Diário da Lagoa, que “o amanhã é sorridente”, destacando “a vitalidade do mundo, a vitalidade da ilha, a vitalidade do escutismo, da igreja. É um sinal de que realmente o futuro está assegurado”, sublinha, havendo “a convicção de que este mundo pode ser melhor se nós também formos melhores”.

Norberto Brum considera ainda que o escutismo é um movimento “de paixão”, é “algo que nos puxa”, tendo o mesmo feito todo o seu percurso de escutismo, não deixando nunca de estar presente “onde está a juventude, onde está a vitalidade”.

Foram, assim, três dias repletos de atividades. Após a receção, na sexta-feira, decorreram as cerimónias de boas vindas e os jogos de apresentação, tendo o sábado sido dedicado às atividades das equipas pedagógicas e o domingo dedicado ao ponto alto do evento, a Eucaristia, que se realizou precisamente no Parque Tecnológico de Lagoa.

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*