Banda Filarmónica Lira do Rosário conta “com músicos da casa que têm amor à camisola”

A Banda Filarmónica Lira do Rosário, na Lagoa, completou esta quinta-feira, dia 20 de abril, 97 anos, sendo que a mesma foi fundada em 1920, pelo Padre João Furtado Pacheco, coadjuvado por Luís Soares de Macedo.

Como Presidente da Banda Filarmónica Lira do Rosário há 17 anos, Paulo Cordeiro, salienta que a instituição confronta-se diariamente com várias dificuldades, nomeadamente por falta de músicos e recursos financeiros para fardamentos e palhetas.

Este ano de 2017, será o último mandato de Paulo Cordeiro como presidente da instituição e muito provavelmente não se irá recandidatar, justificando que o principal motivo são as dificuldades de sobrevivência que as bandas encontram atualmente.

Em 2016, a Banda Filarmónica Lira do Rosário efetuou dez serviços, dos quais quatro procissões e seis Coroações de Impérios, o que para o dirigente representa poucas atuações.

A Banda Filarmónica Lira do Rosário tem 35 elementos, numa faixa etária dos 12 aos 37 anos e apesar de contar com muitos jovens, as dificuldades em incentivar os mesmos são cada vez maiores. Desse modo e de forma a motivar os seus elementos, a instituição quer, futuramente, organizar um intercâmbio com outra banda filarmónica de Portugal Continental.

Relativamente à comemoração dos 97 anos, uma missa na Igreja de Nossa Senhora do Rosário foi realizada esta sexta-feira, dia 21 de abril, seguida por uma marcha, uma homenagem surpresa ao Presidente da Junta de Freguesia do Rosário, Gilberto Borges.

“Este aniversário é muito importante e quisemos homenagear o presidente Gilberto Borges porque tem sido um homem incansável para todos nós. Tudo aquilo que pedimos ele está sempre pronto para ajudar a banda”, adiantou Paulo Cordeiro ao Jornal Diário da Lagoa.

O futuro das bandas filarmónicas encontra-se cada vez mais incerto, mas a solidariedade entre as instituições do concelho de Lagoa tem permitido a sobrevivência das mesmas.

Para Paulo Cordeiro, a Banda Filarmónica Lira do Rosário tem muitas qualidades e diferencia-se das outras por contar “com músicos da casa que têm amor à camisola”.

Recorde-se que a Banda Filarmónica Lira do Rosário foi recentemente homenageada, exatamente pela Junta de Freguesia de Nossa Senhora do Rosário, no âmbito das comemorações dos 424 anos de elevação, com a medalha de mérito da freguesia, pelos serviços prestados à mesma.

DL/AS

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*