Fórum do Livro promove debates com autores açorianos

Mais de três dezenas de escritores açorianos participam no I Fórum do Livro dos Açores, que decorre esta semana em Ponta Delgada. Diferentes sessões de reflexão e debate sobre a atividade editorial no mercado açoriano terão lugar na Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada, de 20 a 22 de abril, com entrada livre à população em geral.

Segundo uma nota enviada à nossa redação, a Fórum do Livro é uma iniciativa do Grupo Nova Gráfica, para assinalar o 10º aniversário da editora açoriana Publiçor/Letras Lavadas, no âmbito das comemorações do Dia Mundial do Livro. O evento decorre em parceria com o Governo Regional, o Município de Ponta Delgada e a RTP/Antena 1 Açores.

Para além das “mesas redondas” com os autores açorianos, que serão gravadas para posterior transmissão pela Antena 1 Açores, o Fórum do Livro inclui uma Mostra Bibliográfica, uma Exposição Didática de Produção Editorial e uma Exposição Artística de Livros Especiais, patentes ao público nas instalações da Biblioteca Pública.

O Fórum do Livro tem início quinta-feira, 20 de abril, às 18 horas, com uma sessão de abertura que deverá ser presidida pelo Secretário Regional da Educação e Cultura, Avelino de Meneses. O presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro, e o sócio gerente da Publiçor/Letras Lavadas, Ernesto Resendes, participam também nesta sessão, conjuntamente com a diretora da Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada, Iva Matos, e o subdiretor da RTP/Açores, Victor Alves.

Uma conferência inaugural sobre literatura, proferida por António Machado Pires, encerra este primeiro dia do Fórum do Livro, que inclui ainda o lançamento da publicação “O Livro dos Livros”, com organização de José Andrade, e um apontamento musical a cargo do Conservatório Regional de Ponta Delgada.

A publicação de livros infantis e juvenis nos Açores é o tema central do primeiro painel do Fórum do Livro, que tem lugar sexta-feira, 21 de abril, às 10 horas, numa sessão especialmente dedicada às escolas. As intervenções iniciais estarão a cargo das escritoras infanto-juvenis Ana Isabel Ferreira, Célia Barreto Carvalho, Susana Nunes Caldeira, Susana Teles Margarido e Teresa Viveiros, com moderação de Rosa Margarida Armas.

No mesmo dia, às 17 horas, o segundo painel abordará a problemática da “Edição e Comercialização de Livros nos Açores”, com moderação de Lena Goulart. Estão previstas as intervenções iniciais do Diretor Regional da Cultura, Nuno Ribeiro Lopes, o gerente da editora Publiçor, Ernesto Resendes, o gerente da livraria Solmar, José Carlos Frias, e a diretora das Lojas CTT nos Açores, Fátima Albergaria Costa.

Segue-se um terceiro painel, pelas 18h30, sobre a “Crítica de Livros nos Açores”, que contará com a participação de Carlos Bessa e Eduardo Ferraz da Rosa, expressamente deslocados da ilha Terceira, bem como Santos Narciso e Vamberto Freitas. Este painel será moderado pelo jornalista Sidónio Bettencourt.

No terceiro e último dia do Fórum do Livro, durante a tarde de sábado, 22 de abril, tem início às 15 horas um quarto painel sobre a publicação de livros de Fotografia e Pintura nos Açores. António Soares de Sousa, Carlos Ribeiro, José António Rodrigues e José Franco são os participantes previstos sob a moderação de Herberto Quaresma.

A publicação de livros de Romance e Poesia nos Açores é o tema proposto para o quinto painel, moderado por Cristina Oliveira, a partir das 16h30. As intervenções iniciais, que antecedem um habitual debate com a assistência, estão a cargo de Emanuel Jorge Botelho, João Pedro Porto, Paula de Sousa Lima e Urbano Bettencourt.

O sexto painel deste encontro regional de autores açorianos é dedicado à publicação de livros de História e Ciência nos Açores e deverá iniciar-se pelas 18 horas. Os oradores participantes são José Ferreira Almeida, Mário Moura, Sérgio Ávila, Teixeira Dias, Teresa Medeiros e Victor Hugo Forjaz, com moderação de Elsa Soares.

O Fórum do Livro encerra, pelas 19h30, com a apresentação pública da nova revista literária “Grotta – arquipélago de escritores”, por Nuno Costa Santos e Gina Ávila Macedo, numa sessão moderada por António Melo Sousa. Será ainda apresentada uma síntese final dos trabalhos do encontro, por José Andrade, como diretor editorial da Letras Lavadas.

DL/Publiçor

Categorias: Cultura, Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*