No PRORURAL+ 50% do quadro já está comprometido

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas destacou, na Cidade da Horta, a aposta que tem sido feita na modernização de todo o setor agrícola, com destaque para o PRORURAL, como um bom exemplo daquilo que é o real aproveitamento dos fundos comunitários pelo setor.

João Ponte, que falava no âmbito do debate das propostas de Plano Orçamento, a decorrer em sede do Parlamento Regional, recordou que no anterior quadro foram afetos 575 milhões de euros.

Dos 340 milhões de euros que estão afetos ao PRORURAL+, dos quais 45 milhões são verbas regionais, cerca de 50% do quadro já está comprometido e 25% está executado.

Só em 2016 entraram 197 projetos de candidaturas, com uma dotação de 19 milhões de euros, recordou.

Segundo João Ponte, 70% destas candidaturas referem-se às fileiras do leite e da carne, o que demonstra bem que estas continuam a ser a base da atividade agrícola e em que os agricultores continuam a apostar e a acreditar.

Segundo adiantou, uma das prioridades vai para apoio ao investimento nas explorações agrícolas. Ao investir cerca de 4,5 milhões de euros do ORAA, está-se a alavancar um investimento de 25 milhões de euros de fundos com repercussões na economia da Região.

No âmbito do Prorural+, já foram rececionadas 518 candidaturas para investimento nas explorações, correspondente a 35 milhões de euros e 116 candidaturas para primeiras instalações de jovens agricultores, no montante global de 4,5 milhões de euros.

DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*