Açores têm condições para serem um laboratório vivo para tecnologias de drones

Drones-governo-Açroes

O Diretor Regional da Ciência e Tecnologia afirmou esta terça-feira, dia 7 de março, em Ponta Delgada, que os Açores possuem “condições diferenciadas” para serem um laboratório vivo “com baixos custos de experimentação” para tecnologias associadas a drones, salientando a área criada no ano passado, em Santa Maria, para a realização de testes com este tipo de equipamentos.

Bruno Pacheco falava numa sessão de esclarecimento sobre o novo regulamento para a utilização de drones, organizado pela Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC), em parceria com a Direção Regional da Ciência e Tecnologia.

Na sua intervenção, o Diretor Regional apontou algumas das utilizações de drones, nomeadamente na monitorização marítima e costeira, na realização de levantamentos topográficos, na monitorização de campos agrícolas e no apoio às operações de busca e salvamento terrestre e marítimo, entre outras.

“A tecnologia é um meio para se materializar ideias que promovam negócios”, afirmou o Diretor Regional, acrescentando que “é com esta visão de captar dinâmicas de desenvolvimento” que o Governo Regional pretende que “os Açores sejam cada vez mais atrativos e capazes de fazer a diferença”.

Nesse sentido, frisou que o Governo dos Açores tem feito “esforços consideráveis” para atrair para a Região empresas de tecnologias ligadas ao desenvolvimento destas atividades.

A ANAC, através da campanha ‘Voa na Boa’, tem promovido a realização de sessões de esclarecimento em todo o país sobre o regulamento que estabelece as condições de operação aplicáveis à utilização do espaço aéreo por drones, que entrou em vigor a 13 de janeiro.

Este regulamento, que apresenta regras que antes não existiam, pretende tornar mais segura a utilização de drones no espaço aéreo nacional, por motivos comerciais, desportivos ou recreativos.

DL/Gacs

Categorias: Regional, Tecnologia

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*