“É imprescindível investir nos jovens Açorianos para que tenham participação ativa na sociedade”

170452

O Diretor Regional da Juventude afirmou esta terça-feira, dia 21 de fevereiro, na Horta, que é “imprescindível investir nos jovens Açorianos”, não só através de programas de incentivo que visam a valorização de projetos inovadores ou de atividades de caráter solidário ou associativo, mas “essencialmente na implementação de medidas que têm como estratégia a inserção e participação ativa dos jovens nos diferentes setores da sociedade, sejam eles políticos, económicos ou sociais”.

Lúcio Rodrigues falava na Assembleia Legislativa, na sessão do Parlamento dos Jovens dedicada aos alunos do ensino secundário, subordinado ao tema ‘A Constituição que temos, a Constituição que queremos: desafios ao Poder Local?’.

O diretor regional sublinhou a pertinência do tema escolhido para este ano, salientando que permitiu que todos os jovens envolvidos “tomassem conhecimento da nossa lei fundamental, que é o alicerce de todas as outras leis”, dando “espaço à sua reflexão e interpretação e àquilo que julgam ser importante alterar ou melhorar”.

Para o diretor regional, o Parlamento dos Jovens “assenta em dois pilares muito importantes”, promovendo a “educação para a cidadania” e “instigando o interesse dos jovens para o debate, nomeadamente na apresentação e discussão de propostas sobre assuntos da atualidade”.

Lúcio Rodrigues realçou que os jovens “sabem ser responsáveis” e “sabem tomar decisões em consciência, cumprindo e fazendo cumprir os direitos e obrigações plasmados na Constituição”, saudando a “elevada participação e de alto nível que demonstraram ao longo de todo este processo, logo desde a fase das escolas”.

Segundo o executivo regional, o Parlamento dos Jovens envolveu, ao nível do ensino secundário, 34 escolas, representadas por 71 alunos, que exerceram as funções de deputado por um dia, numa iniciativa que é apoiada pelo Governo dos Açores, através da Direção Regional da Juventude, e pela Assembleia Legislativa há mais de duas décadas.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*