Igreja do Convento dos Frades recebeu celebração do 20º aniversário do Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz

convento-franciscanos-lagoa-acores-20-anos-grupo-cantares-santa-cruz

O Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz, na Cidade de Lagoa, assinalou esta segunda-feira, dia 26 de dezembro, o seu 20º aniversário.

Criado em 1996 por um grupo de amigos, tornando-se numa associação no dia 14 de abril de 2000, o Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz, conta com 43 elementos, tendo por Diretor Artístico, Álvaro Cabral.

O Grupo já participou em diversos concertos, tendo um repertório variado que o permitiu atuar em várias partes do mundo, nomeadamente na ilha de Santa Maria, na ilha do Pico, nos Estados-Unidos da América, na Ilha da Madeira e no Continente Português, tendo-se deslocado a Coimbra e a Lagoa (Algarve).

No âmbito das comemorações, realizou-se uma missa, seguida de um concerto, na Igreja do Convento dos Frades, que contou com a participação da Banda Filarmónica Estrela D’Alva.

De forma a marcar o 20º aniversário, alguns convidados do Grupo de Cantares confraternizaram num jantar, finalizando o convívio com bolo e um brinde.

Para o Presidente do Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz, Fernando Jorge Moniz, este dia “é importante para todos nós e vai ficar marcado na nossa história”.

Os antepassados que fizeram parte do Grupo e que infelizmente já não estão presentes, também foram saudosamente relembrados, demonstrando que os elementos do Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz muitas vezes deixam a “vida pessoal, privada e profissional para trás” em prol das atividades do grupo.

Para Cristina Calisto Decq Mota, Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, foi com grande admiração e deixando o “coração falar”, que felicitou o Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz pelo seu 20º aniversário, salientando que “apesar de não saber cantar, não consigo deixar de cantar” sempre que atuam.

Este Grupo que “começou como brincadeira e hoje nota-se o profissionalismo, tem-se vindo a afirmar”, deixando um legado histórico e cultural para a Cidade de Lagoa.

A edil lagoense demonstrou a sua relação de amizade para com o Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz, referindo que “um dia também espero fazer parte do Grupo” e isto claro quando tiver outro tipo de afazeres.

De relembrar que o Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz, foi condecorado, em 2009, pela Câmara Municipal de Lagoa, com a medalha de mérito e lançou no mesmo ano o seu 1º álbum intitulado “Ilhas de Encanto”.

No dia 8 de dezembro de 2015, o Grupo inaugurou a sua sede e adquiriu a imagem de Santa Cecília, padroeira dos músicos, em novembro de 2016.

DL/AS

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*