Apresentado logotipo do programa Escola + Voluntária

Escola+solidaria-Piedade-Lalanda-educação

O Governo dos Açores apresentou o logotipo escolhido para simbolizar o programa Escola + Voluntária, da autoria de Micaela Bicudo, da Escola Secundária Antero de Quental, em São Miguel. 

O logotipo apresenta “uma estética moderna, jovem e é composto por três formas circulares onde se inserem as letras E e V ligadas pelo símbolo +”, que se sobrepõem, tal como acontece no voluntariado, onde “a vontade de uns se cruza com a de outros, em prol da comunidade”, afirmou a Secretária Regional da Solidariedade Social, Piedade Lalanda, na apresentação do logotipo, na Escola Secundária Antero de Quental, em Ponta Delgada, onde esteve também presente o Secretário Regional da Educação, Ciência e Cultura, Luiz Fagundes Duarte.

Segundo Piedade Lalanda, a imagem escolhida passará a “simbolizar a concretização de projetos de voluntariado em contexto escolar”, no âmbito deste programa, e irá constar na bandeira que será hasteada no estabelecimento de ensino que acolher o projeto vencedor.

No total candidataram-se ao concurso de conceção do logotipo 21 projetos, “todos eles com propostas criativas, estruturadas a partir de uma ideia”, revelou Piedade Lalanda, acrescentando que “todas as memórias descritivas revelaram um importante exercício de reflexão sobre o tema do voluntariado por parte de cada um dos concorrentes, alunos das turmas 11º G e 12º G” da Escola Secundária Antero de Quental.

Durante o mês de maio será feita a avaliação dos projetos participantes, em conjunto com as entidades parceiras, e o que reunir a pontuação mais elevada, segundo os critérios definidos no regulamento, receberá o galardão de Escola + Voluntária 2013/2014, numa cerimónia que decorrerá na segunda quinzena de Junho, salientou a responsável pela pasta da Solidariedade Social.

O programa Escola + Voluntária é uma iniciativa do Governo dos Açores, que envolve em parceria as secretarias regionais da Solidariedade Social e da Educação, Ciência e Cultura, e destina-se aos jovens estudantes dos 2º e 3º ciclos, do secundário e do ensino profissional.

Este projeto visa “sensibilizar os jovens para a importância do voluntariado enquanto exercício de cidadania e solidariedade”, frisou a governante regional, para quem a “prática de projetos de voluntariado deve valorizar o percurso escolar e enriquecer as experiências de aprendizagem dos jovens em contexto escolar”.

A Secretária Regional congratulou ainda a participação registada nesta iniciativa que contou, nesta primeira edição do concurso Escola + voluntária, com a participação de cinco escolas públicas, três escolas profissionais e uma escola privada, 21 projetos criativos e 15 iniciativas de voluntariado que estão em curso, envolvendo essas nove escolas da Região.

De acordo com a Secretária Regional, no âmbito destas iniciativas de voluntariado participam mais de 3.100 pessoas de forma direta ou indireta, abrangendo várias áreas social, cultural, ambiental até educativo.

Por outro lado, o Secretário Regional da Educação, Ciência e Cultura, Luiz Fagundes Duarte, destacou a importância do “funcionamento da educação no contexto social” em que os alunos se inserem.

Nesta circunstância, o programa Escola + Voluntária “pode dizer muito do que uma escola é capaz de fazer”, rematou.

DL/GaCs

Categorias: Educação

Deixe um comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*