BE garante integração de comunidade científica dos Açores na constituição de centro de investigação internacional

alraa-zuraida-soares-debate-horta-acores

O Bloco de Esquerda garantiu no parlamento que a comunidade científica dos Açores será ouvida e irá participar no processo de constituição do futuro Centro Público Internacional das Ciências do Mar – uma reivindicação que o BE tem vindo a defender há mais de 10 anos para o Faial. O Governo Regional fica também obrigado a informar o parlamento sobre todas as decisões fundamentais que vierem a ser adotadas neste processo, nomeadamente, quanto à sua constituição formal.

O documento aprovado estabelece que, “no âmbito do trabalho da constituição do futuro Cento Público Internacional das Ciências do Mar, o governo fomente a participação e proceda à auscultação das Instituições e Entidades Cientificas Regionais, nomeadamente, o Departamento de Oceanografia e Pescas e o Departamento de Biologia da Universidade dos Açores, bem como os Centros de Investigação com atividades relativas ao Mar”.

Zuraida Soares salienta a importância da aprovação desta proposta do BE: “O Faial fica com o compromisso assumido, por parte do partido maioritário, de que haverá um Centro de Investigação Internacional das Ciências do Mar” e “o parlamento fica habilitado para fiscalizar o cumprimento desta resolução”.

A aprovação desta proposta é, não só, um primeiro passo para a concretização efetiva deste centro de investigação, mas também, a garantia de que a comunidade científica está envolvida no projeto desde o início do processo.

DL/BE

Categorias: Política

Deixe um comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*