A restauração na Lagoa “é o melhor que nós temos para oferecer”

Norberto Ponte NELAG entrevista FEstival Lagoa ComVida2

No âmbito do Festival Lagoa ComVida, Norberto Ponte, responsável pelo Núcleo de Empresários da Lagoa, Nelag, falou à Rádio Lagoa/ Jornal Diário da Lagoa e à Canal FM, onde fez um balanço do tecido empresarial lagoense.

Efetivamente, para o Presidente do Nelag e empresário da restauração, “qualquer evento é bem-vindo aqui para a cidade de Lagoa”.

“A Lagoa não tem muitas âncoras turísticas, nós temos essas lacunas, por isso qualquer evento desta dimensão ou até mais pequeno, tal como o Lagoa Bom Porto ou a Festa do Divino Espírito Santo em Água de Pau, é tudo importante”, salientou Norberto Ponte.

A autarquia lagoense tem como principal objetivo desenvolver o seu tecido empresarial, na área turística e tecnológica, tendo uma restauração de excelência no concelho lagoense.

Para Norberto Ponte, a restauração na Lagoa, “é o melhor que nós temos para oferecer”, salientando a falta de pontos turísticos no concelho.

No que diz respeito a uma formação turística, o Presidente do Nelag referiu a falta de uma escola de formação a nível geral porque “a Lagoa é o único Concelho da Ilha que não tem uma escola de formação, o que é uma lacuna atualmente”.

Por outro lado, a crise na restauração já pouco ou nada se faz sentir, “já se nota um pequeno retorno” aliado à baixa do IVA a nível da restauração, “as coisas começam a compor-se mas nós temos um trilho ainda grande para percorrer”, sendo uma cura lenta que “dá depressa mas não passa rápido”.

Segundo Norberto Ponte, o Núcleo de Empresários da Lagoa e os seus empresários continuam unidos, com o apoio dos empresários lagoenses mas também “temos que passar por essa crise” com falta de verbas e obtendo constantemente respostas negativas aos projetos enviados para o Governo Regional dos Açores.

DL/AS

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*