VIII Feira do Livro com “Histórias da Avó” contadas por Maria Cristina Borges

VIII Feira do Livro com “Histórias da Avó” contadas por Maria Cristina Borges

Esta sexta-feira, 29 de abril, irá decorrer no Convento dos Franciscanos um serão de “Histórias da Avó” dinamizado por Maria Cristina Borges.
A ter início pelas 20h30, esta iniciativa insere-se no programa de atividades da VIII Feira do Livro “Das artes ao artesanato contemporâneo” a ter lugar até 7 de maio.

Segundo a autarquia, o evento, que decorre no âmbito da feira do livro desde a 1ª edição inicialmente realizada na Escola Secundária de Lagoa, é gratuito e destinado à família: pais e filhos, avós e netos, tios e sobrinhos, pretendendo-se resgatar e recriar o hábito de outros tempos em que as noites eram passadas à conversa ou a ouvir histórias contadas pelos avós entusiastas. Neste serão, ao sabor de um chocolate quente e de marshmallows, Maria Cristina Borges irá proporcionar aos participantes histórias sábias e encantadoras.

De referir que Maria Cristina Borges nasceu em Angola e vive em São Miguel desde 1997. Foi professora e é artesã, sendo reconhecida como promotora do artesanato e dos artesãos micaelenses. Partindo de um convite feito pela antiga biblioteca do município lagoense, Maria Cristina Borges começou a contar histórias há cerca de dez anos. Atualmente conta histórias na Escola Luísa Constantina (Rabo de Peixe) e no Colégio do Castanheiro, onde é conhecida pelas crianças como “Avó Cristina”. Como professora aposentada, esta é uma forma de manter contacto com as crianças, mas também, através dos seus conhecimentos pedagógicos, transmitir conceitos de cidadania e, de alguma forma, alterar mentalidades. Quando fala em contar histórias, di-lo fazer com gosto e prazer.

Desenvolvendo várias iniciativas desta natureza, o município de Lagoa, através da Biblioteca Municipal Tomaz Borba Vieira, continua a desempenhar o seu papel de promotor da leitura e do livro junto de diferentes públicos, tendo em atenção a importância da família nestas ações.

A Feira do Livro “Das artes ao artesanato contemporâneo” já recebeu até ao momento cerca de 1000 visitantes, sendo que no programa ainda constam a palestra no dia 3 de maio intitulada “A educação pela arte” por Leonardo Sousa (Solidaried’arte), Conversa sobre escultura com Ricardo Lalanda no dia 5 de maio e a encerrar a feira o concerto de João Afonso e Rogério Pires “A Buganvília”, pelas 21h00, contando a participação especial de Zeca Medeiros.

DL/CML

Categorias: Cultura, Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*