Polícia Sempre Presente – Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres – 2016

Polícia Sempre Presente - Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres - 2016

No âmbito das Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres – 2016, e à semelhança de anos anteriores, o Comando Regional dos Açores da PSP, através da Divisão de P. Delgada, irá implementar um dispositivo operacional consentâneo com a natureza e dimensão das festividades.

Segundo uma nota enviada à nossa redação, esse dispositivo será vocacionado para três grandes áreas: a primeira diz respeito ao trânsito, pois no período no qual decorrem as Festas verificar-se-á uma forte restrição àquela que é a habitual circulação rodoviária na cidade de P. Delgada.

A segunda componente de intervenção relaciona-se com a Ordem Pública, ou seja, com a adoção de medidas táticas que visam garantir a manutenção da Ordem Pública ao longo das festividades.
O terceiro e último aspeto prende-se com a dimensão da investigação criminal, isto é, com a particular atenção que a PSP irá ter sobre a prevenção e o combate aos chamados crimes de oportunidade/ocasião – normalmente contra o património – bem como ao consumo e tráfico de estupefacientes.

De modo a implementar o plano de segurança estabelecido, a Divisão de P. Delgada irá contar não só com os elementos policiais sedeados em P. Delgada, mas também com o reforço daqueles provenientes das Esquadras Destacadas da Ilha de S. Miguel.

As valências de Trânsito, Intervenção Rápida e Cinotécnica (Ordem Pública) e Investigação Criminal desempenharão um papel principal e de primeira linha no evento.
O dispositivo no terreno será ainda reforçado com um Posto Móvel de Atendimento, situado junto ao Forte de São Brás, na Av. Infante D. Henrique.

No que concerne ao desfile que terá lugar no dia 30 de abril, importa reiterar que o mesmo deverá decorrer no cumprimento das normas do Código da Estrada e com o respeito que merece a homenagem que, com este ato simbólico, se pretende efetuar ao Senhor Santo Cristo dos Milagres.

DL/PSP

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*