José Manuel Bolieiro garante que a qualidade da água em Ponta Delgada é uma das melhores do país

Ponta Delgada Agua qualidade

O Presidente do maior Município dos Açores garante que a água do concelho de Ponta Delgada tem qualidade e é própria para consumo, revelando que, desde 2009 até à presente data, os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) têm um investimento assegurado de 18 milhões de euros para continuar a trabalhar ao nível do que de melhor se faz no país.

José Manuel Bolieiro refere, ainda, que desde a captação da água, ao tratamento da mesma, passando pela sua reserva e transporte para as residências, o concelho de Ponta Delgada tem o que de melhor se faz no país.

Desta forma, o Presidente da Câmara e do Conselho de Administração dos SMAS, salienta “tranquilidade máxima e confiança” para o consumo da água de Ponta Delgada, no restaurante, em casa e em qualquer outro sítio onde a torneira seja abastecida pelos serviços.

Ponta Delgada capta diariamente e coloca à disposição da sua população cerca de 40 mil metros cúbicos de água, valor 250% superior ao consumido no concelho. É precisamente esse valor que permite, em caso de seca absoluta, que “possamos ter dois dias e meio sem qualquer captação e, mesmo assim, satisfazer as necessidades do concelho” – nas palavras do Presidente.

Toda a água de Ponta Delgada é de origem subterrânea. Dado que a água captada é pouco mineralizada, esta é submetida a um tratamento de correção de agressividade, o que aumenta a dureza e a alcalinidade e confere um pH neutro.

Após este primeiro tratamento, a água é transportada, através de condutas adutoras, até um reservatório de acumulação e de regularização, podendo passar ou não por outras infraestruturas tais como câmaras de perda de carga (CPC).

A desinfeção da água é efetuada, preferencialmente, nos reservatórios de água, podendo também ser efetuada nas CPC e reforçada nos reservatórios. Depois deste último tratamento, a água segue para as redes de distribuição que abastecem as torneiras dos consumidores.

Segundo os mais recentes dados publicados no Relatório Anual do Controlo da Qualidade de Água para Consumo Humano, a água de Ponta Delgada é 99,85% segura, ultrapassando os valores mínimos exigidos por lei, não representando nenhuma ameaça para a saúde pública.

Entretanto, José Manuel Bolieiro deixa uma última nota ao referir que “o tarifário dos SMAS permite a venda a 41 cêntimos por mil litros de água, o que corresponde a cerca de 1.240 garrafas de 33cl pelo mesmo valor”.

DL/CMPD

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*