Pedro Passos Coelho acredita numa nova postura dos EUA sobre a Base das Lajes

PEDRO PASSOS COELHO Terceira 27JUL15 fotos (2)

O presidente do PSD e Primeiro-Ministro de Portugal afirmou, em Angra do Heroísmo que o Governo da República “continua a acreditar” ser possível convencer os Estados Unidos da América (EUA) “que não podem reduzir a sua presença na Base das Lajes sem acautelarem ações que ajudem a mitigar essa saída. Continuamos a acreditar que essa nova postura é viável”.

Numa intervenção numa unidade hoteleira em Angra do Heroísmo, Pedro Passos Coelho salientou que está a ser feito trabalho “na procura das melhores soluções para a redução desse impacto económico. Quando toca ao futuro da ilha Terceira e dos Açores interessa sobretudo resolver o problema, e para o resolver nós temos de cooperar, como estamos a fazer com o governo regional”, frisou. 

O líder social-democrata destacou a colaboração de responsáveis políticos “ao mais alto nível nos EUA, alguns com raízes portuguesas e açorianas, cujo objetivo é manter um certo nível de atividade dos norte americanos na Terceira, seja do lado dos serviços de informação, seja noutras atividades”, explicou. 

Referindo-se às eleições Legislativas, e falando para uma sala cheia, o líder nacional do PSD referiu que, apesar de não haver coligação entre PSD e CDS nos Açores, espera “que os dois partidos trabalhem em conjunto com o futuro Governo”, apoiando uma coligação “que chegará ao fim da legislatura, tal como aconteceu agora, fazendo história, e sem sobressaltos. 

Na mesma sessão, o presidente do PSD/Açores recordou “um conjunto de decisões pelas quais todos os açorianos ansiavam”, e que foi o Governo de Passos Coelho “a tomar, impulsionando o turismo e o desenvolvimento económico da nossa Região, referiu. 

Duarte Freitas lembrou que “nestas e noutras matérias, e graças à visão de Pedro Passos Coelho, começámos a viver um novo tempo na nossa Região e em Portugal”, disse. 

O líder do PSD/Açores frisou que foi o Governo de Passos Coelho “que salvou Portugal da bancarrota, e nos tirou da situação de emergência em que a governação do PS de José Sócrates e António Costa nos deixou. Foram tempos difíceis, mas estamos, finalmente, no caminho certo”.  

Depois de uma passagem pela ilha de São Miguel, Pedro Passos Coelho esteve na Terceira, onde visitou a empresa “Quinta dos Açores”, percorrendo depois o centro histórico da cidade de Angra do Heroísmo, antes de um muito participado encontro com militantes, simpatizantes e empresários locais.

DL/PSD

Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*