“Governo dos Açores tem ido ao limite dos seus recursos para não deixar ninguém para trás”

Renata Correia Botelho PS Açores depuatda ALRAA

A deputada Renata Correia Botelho lembrou esta terça-feira, na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, o contraste que existe entre as medidas sociais implementadas pelo Governo dos Açores e aquelas que são da responsabilidade do Governo da República.

“Enquanto na República, a alteração aos critérios de elegibilidade e os cortes cegos nas prestações sociais deixam os cidadãos à sua sorte, nos Açores o Governo Regional apoia os Açorianos, mantendo e reforçando os apoios sociais”, assinalou a deputada socialista.

Renata Correia Botelho classificou como “indecorosa” a postura do Governo da República, formado pelo PSD e CDS-PP”, considerando que este executivo “empobreceu um em cada quatro cidadãos portugueses nos últimos quatro anos”.

“A proporção das pessoas em risco de pobreza e de exclusão social aumentou 7% nos últimos quatro anos e assistimos à emigração de cerca de meio milhão de pessoas, que seguiram os conselhos do Primeiro-Ministro”, sublinhou a deputada, na sua intervenção.

Renata Correia Botelho destacou que os números na Região do Rendimento Social de Inserção são uma “preocupação” para o Partido Socialista, que no âmbito da sua governação tem feito “um acompanhamento permanente” desta situação.

Para Renata Correia Botelho é “essencial não olhar para as estatísticas e para os índices com frieza, como faz a oposição”.

DL/PS

Categorias: Política

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*