Jovens açorianos têm de assumir a sua cidadania europeia

Escola-EBI-Agua-de-Pau

A Diretora Regional da Juventude afirmou, na Lagoa, em S. Miguel, que os jovens açorianos têm de assumir a sua cidadania europeia para, juntamente com os seus congéneres, lutarem para uma Europa ainda melhor, mais digna e respeitadora do “outro”.

Pilar Damião, que falava na palestra ‘A consciência europeia dos jovens’, integrada no projeto intitulado ‘Os Açores e a Europa’, promovido pelo Clube Europeu da EBI de Água de Pau, salientou a relevância e a dimensão deste projeto que possibilita o envolvimento dos “jovens açorianos no contexto europeu”.

Para a Diretora Regional, os jovens têm de “olhar para a Europa como uma comunidade de destino comum, como um espaço social e culturalmente multifacetado e não só como um conjunto de sedes e escritórios localizados em Bruxelas ou Estrasburgo e têm de perceber a necessidade premente de conceber uma consciência transfronteiriça e transhistórica que, de baixo para cima, possa permitir entrever laços de pertença comuns, ainda que longínquos e transversais”.

Nesta palestra, Pilar Damião destacou ainda o programa ‘Bento de Góis’, uma iniciativa do Governo dos Açores, através da Direção Regional da Juventude, que tem “disponibilizado aos jovens açorianos múltiplos incentivos e formas de apoio à mobilidade”.

O Clube Europeu da Escola Básica Integrada de Água de Pau, constituído por 25 alunos e cinco professores, tem como objetivos conhecer e dar a conhecer a União Europeia, as suas políticas e as suas instituições e sensibilizar os jovens para os temas do Ano Europeu para o Desenvolvimento, destacando os que estão relacionados com as políticas europeias, ao nível europeu, nacional, regional e local, no sentido de compreender a cooperação entre países ricos e pobres, as políticas e as medidas para a redução e erradicação da pobreza.

Potenciar o diálogo estruturado entre os jovens e os decisores públicos, através da participação na discussão de temas do Ano Europeu para o Desenvolvimento e da compreensão do contexto social, político e geográfico dos Açores, enquanto Região Ultraperiférica da Europa, é outro objetivo deste clube.

DL/Gacs

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*