“Todos somos poucos para resolver os problemas que surgem”

Joao-Ponte-Lios-Lagoa1

Para o presidente da Câmara Municipal de Lagoa o Lionismo tem sido responsável por um trabalho muito meritório. Segundo João Ponte, “todos somos poucos para resolver os muitos problemas que surgem no dia-a-dia”. 

O autarca falava no âmbito da Assembleia Solene Evocativa dos 100 anos do Lionismo no Mundo, realizada recentemente no Convento dos Franciscanos, em Santa Cruz, promovida pelo Lions Clube de Lagoa. 

João Ponte recorda que o trabalho de parceria que a autarquia realiza com o Lions Clube de Lagoa, assim o faz com outras instituições do concelho, sejam elas Juntas de Freguesia, Instituições Culturais ou Desportivas, reconhecendo que, neste novo tempo, é cada vez mais importante o envolvimento ou participação das entidades. 

Segundo o autarca “temos pouco tempo para resolver os problemas de pessoas que não têm tempo para aguardar e ver a sua situação resolvida, sendo o grande desafio atual”.

Esta foi uma sessão que contou, para além de várias individualidades, com a participação do 1º Vice-Presidente da Associação Internacional dos Lions, Jitsuhiro Yamada, que assumirá o cargo de Presidente no próximo mês de junho, no Hawaii.

Recorde-se que a Associação Internacional de Lions Clubes é a maior organização de clubes de Serviço Voluntário do mundo, com mais de 1,3 milhões de associados, em cerca de 45 mil Lions Clubes espalhados por 200 países e áreas geográficas. Nos Açores, estão ativos nove Lions Clubes, tendo o Lions Clube de Lagoa (Açores) sido fundado no ano de 1992.

DL

Categorias: Local

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*