Governo dos Açores apresentou programa Skype Familiar

Skype-familiar

O Diretor Regional das Comunidades apresentou o programa Skype Familiar, uma iniciativa do Governo dos Açores que visa “facilitar e dinamizar o contacto entre o cidadão regressado compulsivamente à Região e a sua família emigrada”.

“Este programa consiste numa rede de 31 pontos de contacto entre os Açores e as comunidades mais representativas da diáspora e com maior número de cidadãos deportados, nomeadamente nos Estados Unidos da América e no Canadá”, afirmou Paulo Teves, que falava sexta-feira durante uma visita ao Centro de Acolhimento Abrigo Amigo, uma das instituições parceiras desta iniciativa.

Paulo Teves frisou que “foi possível criar esta rede de proximidade e suporte graças à missão social que cada organização preconiza na sua ação diária”.

O Diretor Regional salientou que o programa envolve uma rede constituída por 31 instituições localizadas em cada uma das nove ilhas do arquipélago, bem como nas províncias do Ontário e Quebeque, no Canadá, e nos estados de Massachusetts, Rhode Island e Califórnia, nos Estados Unidos da América, acrescentando que estas instituições “fornecem espaços equipados com computadores e respetivos acessos à Internet”.

Na sua intervenção, Paulo Teves enalteceu “o trabalho realizado pelas diversas organizações em prol da integração dos cidadãos deportados nos Açores”, destacando o decréscimo significativo de deportações para a Região registado desde 2011, “fruto da intervenção conjunta e concertada de diversas organizações da diáspora e dos Açores”.

Relativamente à promoção da plena integração de todos os açorianos que, por diversas razões, foram obrigados a regressar à Região, Paulo Teves defendeu que deve “ser assumida não apenas pelas organizações e técnicos vocacionados para esta área, mas também por cada um de nós, no estrito cumprimento de um dever de cidadania”.   

O Centro de Acolhimento Abrigo Amigo, uma das valências da Confederação Operária Terceirense, faz parte da Rede de Suporte à Mobilidade Humana e acolhe atualmente diversos cidadãos deportados.

As moradas e horários de funcionamento das entidades que integram a rede do programa Skype Familar estão disponíveis na Internet na página da Direção Regional das Comunidades, no Portal do Governo dos Açores.

DL/Gacs

Categorias: Comunidades

Deixe o seu comentário

Your e-mail address will not be published.
Required fields are marked*