Açores-noticias-Romeiros-Rancho-Cabouco-2012
(c) Direitos Reservados

Serão ao todo 48 os irmãos romeiros que irão sair este sábado no Rancho de Romeiros do Cabouco, um dos primeiros 12 a ir para a estrada na habitual Romaria Quaresmal.

Segundo Roberto Pereira, Mestre de Romeiros, esta romaria será principalmente de rezar pelas famílias, até porque, este tem sido um ano muito difícil para estas, e será a mensagem que os irmãos romeiros levam consigo.

Roberto Pereira, está convencido que será uma romaria dedicada à caridade, irmandade, partilha e solidariedade.

Todos os anos são muitas pessoas que procuram os romeiros, mas espera-se mais participação este ano, “há muito desemprego, situações graves a afetar as famílias, e estou convicto que as pessoas vão agarrar-se mais à oração”, refere o irmão Mestre Roberto Pereira em declarações ao Diário da Lagoa.

Os ranchos de romeiros remontam a 1522 e 1563, data de grandes erupções vulcânicas e tremores de terra que destruíram Vila Franca do Campo e Ribeira Grande, respetivamente.

Os romeiros são verdadeiros peregrinos penitentes, que através da caminhada, procuram a conversão pessoal e espiritual.

A dimensão dos ranchos varia de paróquia para paróquia, mas estima-se que nesta Quaresma participem entre 2000 a 2500 homens nas romarias.

DL

Share